falta de ar na gestação

gravidaiogaDesde o começo da gestação tenho sofrido com cansaço excessivo e falta de ar quando fazia um mínimo esforço. Meu GO e meu endócrino me disseram para fazer exercício para melhorar minha condição cardio respiratória. A algumas semanas comecei com a natação, sentia que estava melhor, mas nos últimos 3 dias, diante dos mínimos esforços falta o ar e a pressão desce.

Sobre a queda de pressão, desde o começo os médicos disseram que está ok, que é só relaxar e esperar normalizar, que seria preocupante se ela subisse. Mas a sensação de literalmente sentir algo baixando e seu corpo gelando enquanto você nem consegue respirar direito não é legal! Ontem estava na fila do caixa da padaria e passei mal, como estava chovendo, acabei correndo do carro até a padaria, acredito que tenha alguma coisa a ver, esta semana tenho consulta com o  GO e com o endócrino, aí vou ver certinho o que eles dizem, mas por hora claro que o Dr. Google me acalmou um pouco. Segue matéria a respeito abaixo.

———————- X ———————- X ———————-

Ponto principal: uma leve sensação de falta de ar é normal durante a gravidez, principalmente no final, desde que não seja acompanhada de outros sintomas, como febre. Se você já tinha asma ou problemas respiratórios antes de engravidar, fale com o médico.
Estou com falta de ar ultimamente. É normal?

É bastante comum ter falta de ar ao longo de toda a gravidez. Nos estágios finais, o útero começa a pressionar o diafragma contra os pulmões, e a sensação de falta de ar fica mais frequente, em especial se o bebê está mais para cima na sua barriga.

Na verdade, é mais uma sensação do que uma dispnéia propriamente dita. A falta de ar também é atribuída, além das causas mecânicas, ao aumento da concentração de progesterona no corpo.

Caso você tenha falta de ar e febre, ou se a falta de ar for muito repentina e forte, procure atendimento médico.
Quanto tempo essa sensação vai durar?

Na maioria das mulheres grávidas pela primeira vez, o bebê “encaixa” na pelve por volta de 36 semanas. Com isso, a barriga fica mais baixa e a falta de ar costuma melhorar.
Quando a falta de ar passa a ficar preocupante?

A falta de ar é normal durante a gravidez, mas se você tiver outros sintomas alarmantes, como dor no peito, palpitação, coração disparado ou pés e mãos gelados, procure o médico.

A dispnéia também pode ser sinal de anemia. Peça ao seu médico um exame de sangue se faz tempo que você fez o último. Se você tiver asma, discuta o problema com o obstetra.
A falta de ar afeta o bebê?

Não. Fique tranquila, seu bebê vai receber o oxigênio de que precisa. Seu sistema respiratório se adapta durante a gravidez para que seu corpo processe o oxigênio com mais eficácia.

http://brasil.babycenter.com

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s