Primeira semana do bebê em casa

imagesPronto! Agora é com você. Em casa, seu bebê vai depender e precisar exclusivamente de seus cuidados e, claro, muito amor. Mas não se preocupe. Eis uma lista que vai ajudar você!

Alimentação

O leite materno é o alimento IDEAL para o lactente e nenhum leite industrializado é capaz de substituí-lo. O aleitamento materno traz vantagens para mãe e filho. Para o bebê, o leite materno é o alimento mais corretamente balanceado (quantia adequada de gorduras, proteínas, carboidratos), protege a criança contra infecções, obesidade e alergias e estreita a relação mãe/filho.

Para a mãe, a amamentação promove contração uterina, fazendo com que o útero volte ao seu tamanho mais rapidamente. O horário de mamada é livre (aproximadamente a cada duas ou três horas). Atenção: não dê chá ou água, pois o leite materno contém a quantidade necessária de líquido para o recém-nascido.

Esvazie bem uma mama antes de passar para a outra. Procure dar pelo menos 15 a 20 minutos em cada peito, já que o leite com maior conteúdo de gordura, que sacia e é essencial para o crescimento do bebê, desce após esse tempo.

Não deite o bebê logo após a mamada, pois isso pode fazer com que ele regurgite uma grande quantidade de leite. Coloque-o sempre para arrotar.

Banho

Evite usar sabonetes ou xampus muito perfumados. Dê preferência ao sabonete neutro de glicerina. Não use loções ou colônias após o banho.

Umbigo

Dê o banho normalmente, mesmo que não tenha caído o coto umbilical. Lembre-se apenas de secá-lo bem e passar álcool 70% até que caia.

Roupas

Evite roupas de lã, mesmo aquelas intituladas antialérgicas. Dê preferência às roupinhas de algodão, plush e atoalhadas. Lave-as com sabão de coco.

Banho de sol

É importante para a incorporação do cálcio ao osso. O ideal é tomar banho de sol por 10 a15 minutos, antes das 10h ou após às 16h. Não se esqueça de proteger os olhos de seu bebê. O banho de sol pode ainda ser terapêutico e prescrito pelo médico no caso de icterícia fisiológica*, acelerando o desaparecimento da mesma.

Vacinas

A maioria das maternidades atualmente já aplica a vacina BCG (para prevenção da tuberculose) e a primeira dose da hepatite B. Cheque se o seu bebê foi realmente vacinado, caso contrário, procure um posto de saúde ou uma clínica de vacinação para aplicar as vacinas nos primeiros dias de vida.

Febre

(temperatura corpórea acima de 37,5º C)
Esse sintoma, principalmente nos primeiros três meses de vida, requer avaliação médica, pois pode ser sinal de doenças importantes, como infecção urinária, pneumonia, otite (infecção no ouvido) e até meningite.

O impacto da chegada de seu “presentinho” em casa está passando e agora você já está conseguindo se reorganizar, adaptando-se ao seu novo e maravilhoso momento de vida. Cá entre nós, sem ser feminista, nenhum homem conseguiria equilíbrio tão rápido.

http://bebe.bolsademulher.com/

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s